Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2021

Ouça a postagem

Receita de mulher a três mãos

Imagem
  M ULHER Solteira, chorei. Casada, já nem lágrima tive. Viúva, perdi olhos para tristezas. O destino da mulher é esquecer-se de ser. Mia Couto Solteira, sonhei Casada já nem sei Delirei Viúva, lembrei e Fui em frente O destino da mulher é ser ela mesma Uma mulher tem que ter Qualquer coisa além de beleza Qualquer coisa de triste Qualquer coisa que chora Qualquer coisa que sente saudade Um molejo de amor machucado Uma beleza que vem da tristeza De se saber mulher Feita apenas para amar Para sofrer pelo seu amor E pra ser só perdão Vinicius de Moraes Da mulher e suas agruras, tanto receitam nossas dores tanto moldam nossos amores achando que descobrem nossos segredos Mal sabem, incautos, que mulher tem qualquer coisa muito além dos entendimentos qualquer coisa muito além das luzes qualquer coisa que vai além Porque nasceu para gerar gerar vida, gerar amor, gerar ir A vida da mulher para tristeza e choro de muitos não passa pelo esquecimento de si e

Despedidas e as lições de vida que perduram

Imagem
De despedidas tem sido meus anos recentes.  A morte, e tudo o que ela acarreta, não apenas para quem parte, mas para quem fica, vai mudando de significado a medida que o tempo passa.  Pelo menos para mim mudou. Quando pequena, não lembro a idade, comecei a compreender a imensidão do nunca mais , me parecia algo tão inimaginável como a infinitude do universo. Mas como era, em principio, algo muito distante, não me preocupei com ela na prática. Permaneceu junto às outras questões filosóficas que enchiam minha cabecinha curiosa.   Até que chega a época em que as despedidas se sucedem, seja pela idade, seja por doenças, seja pela pandemia que ora nos aflige. De certa maneira já me encontra mais calejada, já achando que ter um prazo de validade até que não é uma coisa assim tão ruim. A gente vai se tornando obsoleta. As peças começam a falhar, a sombra da solidão se torna mais ameaçadora que nunca partir, naquele sonho de vida eterna, onde se reúnem Xangri-lá e vampiros. Zumbis que chama? 

Minha mãe recitava Camões

Imagem
"Primeira esposa de Jacó, marido de Raquel" pede as palavras cruzadas que voltei a fazer em tempos de pandemia. Imediatamente me veem à mente a imagem de minha mãe recitando Camões: Sete anos de pastor Jacob servia Labão, pai de Raquel, serrana bela; mas não servia ao pai, servia a ela, e a ela só por prémio pretendia. Os dias, na esperança de um só dia, passava, contentando se com vê la; porém o pai, usando de cautela, em lugar de Raquel lhe dava Lia. Vendo o triste pastor que com enganos lhe fora assim negada a sua pastora, como se a não tivera merecida; começa de servir outros sete anos, dizendo:- Mais servira, se não fora para tão longo amor tão curta a vida. Minha mãe tinha esse hábito. Para tudo um poema, um dito, uma canção . Fazia seus trabalhos diários como quem navega, majestosa, nas nuvens de um reino mágico. Herança de seu pai, nos dizia. O Doutor alemão era um sonhador. Perseguiu seu sonho de ser médico só para ajudar a quem precisasse. Encontrou seu paraíso em u